Revista Brasileira de

Terapias e Saúde



Atuação da Fisioterapia Dermatofuncional na Flacidez Cutânea e Muscular Abdominal em Mulheres no Puerpério: Revisão da Literatura. Revista Brasileira de Terapias e Saúde, v. 6, n. 1, p. 13-18, 2015.

DOI icon 10.7436/rbts-2015.06.01.03 PDF



Resumo: Objetivo: Revisar a literatura acerca de pesquisas já realizadas sobre os tratamentos fisioterapêuticos para flacidez cutânea e muscular abdominal, a fim de contribuir para uma recuperação mais rápida e eficaz das modificações que ocorrem no período gestacional e permanecem no puerpério. Método: Foi realizada uma revisão com buscas nos bancos de dados: BIREME, SciELO, LILACS e Google Scholar. Os critérios para seleção foram estudos que incluíssem tratamento fisioterapêutico para flacidez cutânea, muscular e adiposidade na região abdominal, publicados no período de 1999 a 2013. Resultados: A amostra resultou em um total de cinco artigos, dos quais dois relataram estudo de caso para redução da diástase do músculo reto abdominal, dentre eles um utilizou como recurso a eletroestimulação neuromuscular e o outro desenvolveu protocolo de exercícios terapêuticos. Em relação à flacidez de pele, foram selecionados dois artigos sobre radiofrequência, que apresentou eficácia tanto para diminuição da flacidez quanto para redução da adiposidade abdominal. Foi encontrado mais um estudo realizado com dióxido de carbono, o qual também mostrou diminuição da gordura localizada e reorganização das fibras de colágeno. Conclusão: Observou-se existência de poucas publicações científicas relacionadas a tratamentos para mulheres que se encontram no puerpério, mas que existem tratamentos para adiposidade, flacidez abdominal e muscular, os quais podem proporcionar uma recuperação das alterações ocorridas no período gestacional de forma mais rápida que o fisiológico.

Palavras-chave: Fisioterapia pós-parto, Flacidez abdominal, Puerpério imediato.

Abstract: Objective: The aim is to review the literature about researches that have been already conducted on physical therapy treatments for cutaneous and abdominal muscle flaccidity, in order to contribute to a faster and efficient recovery to the changes that occur during pregnancy and remain in the puerperium period. Method: The review was realized using the following databases: BIREME, SCIELO, LILACS and Google Scholar. The selection criteria were studies that included physical therapy treatment for cutaneous and muscle flaccidity and the abdominal adiposity, published between 1999-2013. Results: The sample resulted in a total of five articles, two of them reported a case study for diastasis reduction of the rectus abdominis muscle, among them one used as a resource the neuromuscular electrical stimulation and the other developed the therapeutic exercise protocol. Regarding skin flaccidity, two articles were selected about radio frequency, which showed efficacy as much to the flaccid decrease as the abdominal adiposity reduction. Another study of carbon dioxide has been found, which also showed a localized fat reduction and collagen fibers reorganization. Conclusion: It has been observed that there are a few scientific publications related to the treatments for women who are in the puerperium, but that there are treatments for adiposity, abdominal and muscles flaccidity, which can provide a recovery to the changes occurred during pregnancy faster than the physiological way.

Keywords: Postpartum physioterapy, Abdominal flaccidity, Immediate puerperium.


Omnipax Editora
omnilogo