Revista Brasileira de

Terapias e Saúde



Fabiula Ester Manosso Pereira, Denise Veloso Queiroz Moreira. A Influência da Acupuntura e Auriculoterapia nos Biomarcadores Ureia e Creatinina - Um Estudo de Caso. Revista Brasileira de Terapias e Saúde, v. 8, n. 1, p. 15-19, 2017.

DOI icon 10.7436/rbts-2017.08.01.03 PDF



Resumo: Contextualização: A doença renal crônica vem aumentando progressivamente, sendo considerado um problema de saúde pública. Para agravar ainda mais o panorama, uma parcela destes portadores desconhece a patologia, devido à ausência de sintomas em fases iniciais. A acupuntura e auriculoterapia tem se mostrado influente sobre funções fisiológicas. Objetivo: Avaliar a influência da acupuntura e da auriculoterapia nos parâmetros de ureia e creatinina. Métodos: A amostra foi composta por um voluntário masculino de 48 anos de idade. Foram realizados dois ciclos de tratamento, com 12 atendimentos cada. Como ferramenta de avaliação, utilizaram-se exames laboratoriais de ureia e creatinina. Foram utilizados os acupontos Sistema Nervoso Central (Shen men), Rim e Sistema Neurovegetativo, R3 (Taixi), R6 (Zaohai) e R7(Fuliu). Resultados: Os exames de sangue evidenciaram, após o primeiro ciclo de acupuntura, uma redução de 28% na ureia e de 13% na creatinina. Terminado o segundo ciclo de acupuntura, houve uma redução de 10% na ureia e um aumento de 11% na creatinina. Conclusão: Houve reduções da ureia e creatinina plasmática após o término do primeiro ciclo de acupuntura, que não se mantiveram ao final do segundo ciclo na mesma proporção. Apesar dos dados coletados após a última etapa do estudo, mostraram-se efeitos benéficos ao voluntário, se comparado aos resultados dos exames laboratoriais, anteriores ao início do tratamento proposto. Sendo assim, constatou-se a eficácia do tratamento proposto.

Palavras-chave: Ureia, Creatinina, Acupuntura sistêmica, Auriculoterapia, Doença renal crônica.

Abstract: Background: Chronic kidney disease has been progressively increasing and it is considered a public health problem. Part of those patients is unaware of the pathology due to the absence of symptoms in the early stages. Acupuncture and auriculotherapy is known to be influential on several physiological functions. Objective: To evaluate the influence of acupuncture and auriculotherapy on the parameters of urea and creatinine. Methodology: The sample consisted of a 48-year-old male volunteer. Two treatment cycles were performed, with 12 treatments each. Laboratory tests of urea and creatinine were used for evaluation. We used the Central Nervous System (Shen Men), Kidney and Vegetative Nervous System acupoints, K3 (Taixi), K6 (Zaohai) and K7 (Fuliu). Results: After the first cycle of acupuncture, blood tests showed a reduction of 28% in urea and 13% in creatinine. After the second acupuncture cycle, there was 10% reduction in urea and an 11% increase in creatinine. Conclusion: There were reductions in plasma urea and creatinine after the end of the first cycle of acupuncture, which did not replied at the end of the second cycle in the same proportion. Despite the data collected after the last stage of the study, beneficial effects were shown to the volunteer, when compared to the results of the laboratory tests, before the beginning of the proposed treatment. Thus, the efficacy of the proposed treatment was verified.

Keywords: Urea, Creatinine, Acupuncture, Auriculotherapy, Renal chronic disease.


Omnipax Editora
omnilogo